Somos movimento!

Somos movimento!

No Encontro ME 2022, fomos chamados a relembrar da nossa VOCAÇÃO: ser e fazer discípulos. A história muda, o mundo muda, mas a essência permanece. Vivemos tempos bem diferentes do que há cinco anos atrás. Tudo muda rapidamente. É um novo mundo em movimento.

O que significa “ser igreja”?

fev 24, 2022 | Artigos, Intercâmbios

Ser igreja em um contexto urbano como Curitiba é um grande desafio.

Igreja, em sua essência, é o estreitar relacionamentos, aproximar pessoas umas das outras e da cruz de Cristo, ao mesmo tempo que, ao desenvolver intimidade, essas pessoas são transformadas e transformam umas às outras.

E é justamente esse o grande obstáculo para cada um de nós, cristãos, que vivem em cidades como Curitiba.

A cultura urbana preza pelo isolamento e individualidade. Cidadãos brasileiros que vivem em contextos desse tipo têm a tendência ao anonimato. Procuram por isso. Gostam disso. Vivem isso. Cada pessoa é responsável por si mesma e pelos seus próprios sucessos ou fracassos. O outro, tão importante na Palavra de Deus, não é alguém que queremos por perto ou, na melhor das hipóteses, um problema que é responsabilidade de outra pessoa. Isso é, em grande medida, o oposto do ser igreja bíblica.

No entanto, nem tudo é tristeza. Temos motivos para sorrir. Muitos deles.

Existem pessoas que foram transformadas pelo evangelho de Cristo e que entendem que seu chamado é para ser igreja no dia-a-dia, no bairro ou na cidade, não para si próprios, mas para servir as outras pessoas.

Esses cristãos que entenderam o seu chamado estão vivendo contrários ao modus operandi da cidade de Curitiba e a mudança está acontecendo. A passos curtos, é verdade, mas a cada dia mais vidas têm sido transformadas por meio de projetos sociais direcionados àqueles que vivem em estado de vulnerabilidade, na rua e imersos em completa pobreza e sem perspectivas de um futuro promissor. Projetos como o Dorcas e Casa Redentor tem servido a sociedade e mostrado um caminho diferente para essas pessoas. Um caminho que passa pela música, assistência médica e psicológica, além de capacitação e incentivo para o desenvolvimento pessoal e profissional, além de impactar, com sua dedicação ao serviço social, o próprio status quo da cultura cristã da cidade grande.

Nosso anseio é que todos os que estão sendo cuidados por esses projetos, vivam com mais dignidade e também que mais pessoas possam se envolver em iniciativas como essas e tragam a sua contribuição para tornar a vida de uma outra pessoa melhor do que está hoje.

Isso é ser igreja!

Fique por dentro do que acontece no ME!

Somos movimento!

Somos movimento!

No Encontro ME 2022, fomos chamados a relembrar da nossa VOCAÇÃO: ser e fazer discípulos. A história muda, o mundo muda, mas a essência permanece. Vivemos tempos bem diferentes do que há cinco anos atrás. Tudo muda rapidamente. É um novo mundo em movimento.