O Deus que tudo sabe

O Deus que tudo sabe

O silêncio no interrogatório durante seu julgamento armado e a falta de palavras durante a crucificação injusta são prova real e incontestável de que o Senhor não veio para competir com os faladores (Mateus 26.63).

Eu venci o mundo!

abr 13, 2020 | A vida é minha

“No mundo, passais por aflições, mas tende bom ânimo, eu venci o mundo.” João 16.33b

Você já parou para pensar no significado destas palavras de Jesus? Por que Jesus precisou vencer o mundo? No relato da criação, no livro de Gênesis, fica claro que após terminar todo seu trabalho, Deus “viu tudo e eis que tudo era muito bom” (Gênesis 1.31). Isso significa que o mundo, no principio de todas as coisas, era um lugar bom. Mas logo após a criação temos o relato da Queda, ou seja, quando o mal entra no mundo através do próprio ser humano que, ao desobedecer a Deus, e cai em pecado. A partir desse momento, o pecado está definitivamente impregnado no mundo e, por ele estar em toda a parte, o torna o mundo todo um lugar mal. O mesmo mundo que era bom, sem violência, sem doenças e sem influência do pecado, agora vive em pecado e isso destrói toda a criação original de Deus. É por este motivo que Jesus vem ao mundo. Não para tirar o ser humano do mundo, mas sim para livrá-lo do pecado que habita em todos desde o princípio. Jesus vem e traz a cada um de nós a esperança de uma nova vida. Paulo diz em 2 Coríntios 5.17: “Assim que, se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passaram, eis que tudo de fez novo”. Cristo, por meio de sua morte, nos perdoa os pecados e nos dá a vida eterna. E, dessa forma, voltaremos a habitar em um lugar sem pecado, sem tristeza, sem violência, sem lágrimas, assim como está escrito em Apocalipse 21.4: “E lhes enxugará dos olhos todo lágrima, e a morte já não existirá, já não haverá luto, nem pranto, nem dor, porque as primeiras coisas passaram”.

Ainda assim passaremos por aflições nesse mundo, mas Jesus nos dá a certeza da vitória por causa da sua morte e ressurreição. Essa esperança e certeza de vitória servem para todos nós nesse momento de incertezas que estamos vivendo.
Que possamos nos agarrar na obra salvadora de Jesus Cristo e assim vivermos com a esperança viva em nossos corações de que Jesus lutou e venceu por nós!


Alexandre Albrecht
Teólogo, conselheiro do Movimento Encontrão e serve no pastoreio de jovens na Paróquia Evangélica de Arabutã/SC. Ele mora em Arabutã/SC.

Fique por dentro do que acontece no ME!

O Deus que tudo sabe

O Deus que tudo sabe

O silêncio no interrogatório durante seu julgamento armado e a falta de palavras durante a crucificação injusta são prova real e incontestável de que o Senhor não veio para competir com os faladores (Mateus 26.63).