1x1.trans - A Igreja ainda vive o Pentecostes?
A Igreja ainda vive o Pentecostes?

 

O que aconteceu em Pentecostes significa o cumprimento de uma promessa de Jesus. Em Atos 1.8 Jesus nos disse que Ele mesmo capacitaria aqueles que iriam segui-lo para que então essas pessoas cumprissem um propósito e uma missão especial. Em Atos 2 nós percebemos que Jesus cumpre essa sua promessa concedendo o Espírito Santo àqueles discípulos que estavam ali reunidos. Eles percebem o agir desse Deus, quando sobre eles repousa o Espírito Santo  e a partir disso começam a falar sobre as maravilhas do Senhor na língua de todos aqueles povos que estavam em Jerusalém reunidos. É isso que aquelas pessoas de repente percebem.

É interessante observar que em Jerusalém naquele momento estavam representados vários povos de várias regiões do mundo conhecido e essas pessoas vinham para uma festa específica em Jerusalém. Essas pessoas eram todas judias, só que cada uma dessas pessoas falava a sua língua originária da cidade ou da região de onde vinham. Eram judeus, falavam certamente aramaico ou hebraico, entendiam a língua do culto – a língua da teologia da época – mas a sua origem étnica/linguística era outra, era uma língua dos povos com os quais eles conviviam.

Naquele momento em que os judeus estão em Jerusalém para uma festa específica, eles ouvem os discípulos de Jesus, capacitados pelo Espírito Santo, falarem sobre as maravilhas de Deus, sobre o Evangelho, ouvem falar a respeito de Jesus na língua originária do lugar de onde eles haviam saído. E nesse momento se percebe que o nascimento da Igreja está unido a algo bem especial e que é a função da Igreja: anunciar a todos os povos a vontade do Senhor. Ou seja, na data de nascimento da Igreja o que nós temos é a expressão maior do que a Igreja é chamada a vivenciar. Ela nasce com um sentido e um propósito específico: anunciar as maravilhas do Senhor na língua de todos os povos. E para isso os discípulos são capacitados pelo agir do próprio Espírito Santo, cumprindo a promessa de Jesus. Não depende de nós, depende de agir do Espírito Santo em nós. É ele que nos concede esse poder de anunciar em todas as línguas o que o próprio Deus quer para os povos.

Quando nós nos envolvemos naquilo que é a função específica e tarefa da Igreja é o próprio Deus que vai nos capacitar a anunciar em línguas e formas tão diversas as maravilhas de Deus. A questão é que não são só apenas línguas distantes. No nosso contexto cultural, mesmo no Brasil que fala uma única língua, há formas, tribos, pessoas e linguagens diferentes, com estilos diferentes de vida e formas diferentes de vivenciar a sua existência. O desafio de pentecostes para nós continua sendo esse: traduzir para a linguagem das pessoas do nosso tempo, onde nós convivemos, as maravilhas de Deus, ou seja, o Evangelho. Esse desafio é tanto para quem vai para outro país, que tem que aprender uma outra língua e que precisa ser capacitada pelo próprio Deus para isso, mas também para cada um de nós que convive com pessoas no local onde está, falando a língua nativa, o nosso português; mas quantas são as tribos que estão ao nosso redor, quantas pessoas que tem uma forma diferente de se relacionar e viver a sua vida; também para essas nós somos desafiados a anunciar o Evangelho. E como fazemos? Da mesma forma como Atos 1.8 nos prometeu: com o poder do Espírito Santo e Atos 2 nos mostra que é o próprio Deus quem nos capacita para isso. Nós, no lugar onde estivermos somos capacitados pelo Espírito Santo para anunciar as maravilhas de Deus na linguagem das tribos do nosso tempo.    

Renato Raasch

Diretor da FATEV

domingo, 09 junho 2019

Ouça o Podcast sobre Pentecostes

por Renato Raasch

1x1.trans - A Igreja ainda vive o Pentecostes?

Encontro de Lideranças

22 e 23 de junho, em Porto Alegre/RS

Encontro de Obreiros

24 a 27 de junho, em Florianópolis/SC

Mais do ME

Abraão e os 300

Abraão e os 300

Abrão foi chamado por Deus para deixar sua casa e partir para uma terra que o próprio Senhor mostraria a ele, sob a orientação de que deixasse tudo para trás – parentes inclusive. Contrariado ele leva um dos seus sobrinhos, o qual mais tarde iria causar algumas dores de cabeça para Abrão.

ler mais

Espiritualidade emocionalmente saudável

Durante o segundo encontro do SOMA, uma turma de mais de 30 jovens tiveram a oportunidade de aprender um pouco mais sobre uma vida espiritual e emocional saudáveis, como elas estão ligadas entre si, quais as cargas familiares positivas e negativas que carregam e como esses fatores influenciam para o desenvolvimento da própria personalidade.

Abraão e os 300

Abrão foi chamado por Deus para deixar sua casa e partir para uma terra que o próprio Senhor mostraria a ele, sob a orientação de que deixasse tudo para trás – parentes inclusive. Contrariado ele leva um dos seus sobrinhos, o qual mais tarde iria causar algumas dores de cabeça para Abrão.

Seus olhos estão abertos para as oportunidades?

Durante meu período de intercâmbio vivi algo novo para mim, que me deixou chocado principalmente nos três primeiros meses de intercâmbio e que foi bem diferente da minha experiência anterior, me fazendo pensar muito e refletindo inclusive neste texto: REFUGIADOS.

A Igreja ainda vive o Pentecostes?

Na data de nascimento da Igreja o que nós temos é a expressão maior do que a Igreja é chamada a vivenciar. Ela nasce com um sentido e um propósito específico: anunciar as maravilhas do Senhor na língua de todos os povos. E para isso os discípulos são capacitados pelo agir do próprio Espírito Santo, cumprindo a promessa de Jesus. Não depende de nós, depende de agir do Espírito Santo em nós. É ele que nos concede esse poder de anunciar em todas as línguas o que o próprio Deus quer para os povos.

As inscrições para Intercâmbios 2020 – 2021 estão abertas!

Viva uma aventura longe da sua zona de conforto. Inscrições até 30 de outubro.

Nem sempre o Feliz Dia das Mães é um dia feliz

O Dia das Mães já se tornou sinônimo de afeto, carinho e consideração pelas mães. É uma data de singular importância sobretudo por reforçar os vínculos familiares. Mas, infelizmente, esse dia não é uma boa lembrança para todas as pessoas. Existem aquelas que sofrem simplesmente por lembrar de uma data assim.

1º Encontro de Empreendedores – Novo Hamburgo/RS

Esse foi o primeiro encontro regional organizado por empreendedores cristãos em Novo Hamburgo. Você é convidado a participar do próximo Encontro de Empreendedores, em Florianópolis/SC.

Prepare-se para um CPM de cara nova!

Prédio começou a receber nova pintura no mês de abril e até o final de julho pretende estar renovado para receber eventos  e pessoas de todos os cantos do mundo.

7 tipos de igrejas-problema para o pastor

Se você está liderando uma dessas comunidades, não ande sozinho. Você precisa do apoio em oração de outros irmãos na fé enquanto pastoreia um lugar difícil como esse.

Segundo Encontro do Projeto SOMA

O segundo encontro do SOMA teve como temática as habilidades sociais com base no exemplo de Jesus. Durante o encontro foram realizadas programações teóricas e práticas que promoveram o autoconhecimento dos participantes e a sua capacitação emocional e social.

Não trabalhe pela comida que se estraga

Jesus disse aos judeus em João 6.27: “Não trabalhem pela comida que se estraga”. É claro que ele não quis dizer que só a comida é que está descartada, mas roupas, casas, carros e viagens também. Qualquer coisa que pereça, qualquer coisa que se desgasta, qualquer coisa sem valor eterno – tudo isso está implícito nesta afirmação.

Sou aperfeiçoado através do sofrimento

Convidar Jesus para fazer parte do nosso dia a dia é algo que nós, pais, normalmente fazemos muito. Oramos e desejamos que nossos filhos vivam dentro dessa atmosfera de paz, esperança e amor que somente Cristo pode dar. Afinal, queremos que eles tenham as experiências incríveis que nós mesmos já tivemos com Deus.

Seus olhos estão abertos para as oportunidades?

Seus olhos estão abertos para as oportunidades?

Durante meu período de intercâmbio vivi algo novo para mim, que me deixou chocado principalmente nos três primeiros meses de intercâmbio e que foi bem diferente da minha experiência anterior, me fazendo pensar muito e refletindo inclusive neste texto: REFUGIADOS.

ler mais

#somosME

O Encontrão nasceu como um movimento e quer continuar assim. Para que isso aconteça, a sua participação é essencial. Entre com contato e faça a sua doação.

Newsletter

Assine e fique por dentro de tudo o que acontece no ME.

Email Marketing by E-goi

Siga-nos

e tenha atualizações regulares, em tempo real.

Obrigado! Você se inscreveu em nossa newsletter.

Ocorreu um erro. Por favor, tente novamente.

ME vai usar as informações para enviar novidades para você. Obs.: não compartilhamos suas informações com terceiros.